Vereador participa de reunião na Regional do Ministério da Cultura

por Assessoria de Comunicação publicado 04/04/2017 20h30, última modificação 04/04/2017 20h30
04/04/2017

A convite do Chefe da Representação Regional do Ministério da Cultura, Aníbal Macedo, o Vereador Geraldo Luís Andrade (Geraldão) (PTB) esteve em Belo Horizonte na segunda-feira (03) para discutir a implementação do Sistema Nacional de Cultura em Viçosa. Na oportunidade, o Vereador discutiu ainda o apoio da Pasta para a participação de viçosenses no 16º Festival Internacional de Hip Hop (FIH2), cuja etapa final acontecerá em Curitiba – PR.

O Chefe da Regional, Aníbal Macedo, solicitou ao vereador viçosense que faça a interlocução entre o Ministério da Cultura e a Universidade Federal de Viçosa para a capacitação do Sistema Nacional de Cultura. Segundo Aníbal, a proposta é que Viçosa seja sede dos encontros, que envolverão 17 municípios da região ao longo de sete meses.

O Sistema Nacional de Cultura faz parte das metas e ações do Plano Nacional de Cultura (PNC), instituído pela Lei 12.343/2010, que estabelecem diretrizes e ações de incentivo à cultura no país, através de programas de capacitação profissional, incentivo à produção artística e ampliação do acesso da população à cultura. O objetivo é descentralizar e organizar o desenvolvimento cultural do país, para garantir a continuidade das ações, mesmo com a alternância dos governos, e estimular o desenvolvimento humano, social e econômico através de projetos culturais.

Ainda na ocasião, o vereador falou sobre a realização da seletiva estadual do Festival Internacional de Hip Hop (FIH2). O vereador citou as dificuldades do município em levar os participantes até a fase final, que acontecerá de 06 a 09 de julho, em Curitiba. Geraldão explicou que “a dança é uma das manifestações mais organizadas em Viçosa, que merece esse suporte”. Aníbal Macedo se comprometeu a buscar apoio, em contato com a Secretaria Estadual de Cultura e o próprio Ministério, para avaliar a viabilidade.

 

Texto: Cleomar Marin

Revisão: Mônica Bernardi

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.