Exposição “Mulheres” se encerra na Câmara

por Assessoria de Comunicação publicado 28/03/2018 11h53, última modificação 28/03/2018 11h53

Em exibição no hall da Câmara Municipal desde o dia 13 de março, a exposição “Mulheres” se encerra na quarta-feira (28). A exposição conta com a participação do coletivo Artesanato 3 Irmãs, das artistas Jussara Maurílio dos Santos e Érika Aparecida Maurílio, além da artista plástica Mara Fernandes. A iniciativa aconteceu dentro do Programa Cultural Marcelo Andrade, de autoria dos Vereadores Brenda Santunioni (Progressistas) e Geraldo Luís Andrade (Geraldão) (PTB).

O coletivo Artesanato 3 Irmãs é formado por Maria do Rosário Julião, Vanilda de Fátima Pereira e Rosenilda das Graças Julião. As irmãs, moradoras do distrito de São José do Triunfo e Cachoeira de Santa Cruz (Cachoeirinha), começaram a produzir há cerca de um ano e meio com o objetivo de praticar artesanato e aumentar a renda familiar. Os trabalhos começaram a ser expostos em dezembro em São José do Triunfo e estão sendo expostos em Viçosa pela primeira vez, alcançando maior visibilidade do público. O Artesanato 3 Irmãs produz caixas de MDF, pratos, cofres e enfeites personalizados de acordo com a preferência do cliente. Para isso, utiliza-se de técnicas com cores variadas, colagem de fotos, frases e estampas.

Jussara, 16 anos, aprendeu a decorar caixas de MDF há oito meses com a ajuda da sua tia Érika, ex-aluna da Mara Fernandes. Juntas, as artistas pintam e decoram caixas com pérolas, desenhos coloridos, fitas e brilhos delicados. Mara Fernandes começou a pintar por volta dos 15 anos de idade quando morava em Aimorés (MG), sua cidade natal. Atualmente, cursa artes visuais à distância e inaugurou recentemente seu novo ateliê de pintura e artesanato MDF, atendendo alunos entre seis anos até a terceira idade. O ateliê está localizado no calçadão Arthur Bernardes, 45, sala 130, em frente ao Shopping Calçadão.

Na exposição que se encerra na Câmara, Mara apresentou pinturas em tela que retratam a figura materna, a violência contra a mulher por meio do estilo cubista de Picasso e flores com cores vibrantes, como as bromélias. Para o Vereador Geraldo Luís, a exposição marcou a história da Câmara Municipal: “a Casa do povo cumpre seu papel de incentivo à atividade cultural da nossa cidade. Esperamos ainda mais artistas e participação do público nas próximas atividades do Programa”, disse.

O Programa Cultural Marcelo Andrade, desenvolvido pela Escola do Legislativo, tem como objetivo principal a promoção da arte e do artesanato no Município, com a abertura da estrutura física da Casa Legislativa para manifestações culturais e exposições. Na foto, o Presidente da Casa Legislativa, Vereador Carlitos Alves dos Santos (Meio Kilo) (PSDB) aparece ao lado das artistas e dos Coordenadores Geral e Técnico da Escola do Legislativo, os Vereadores Geraldão e Antônio Elias Cardoso (Tuim) (PTB), durante a abertura da exposição.

 

Texto: Isabela Monteiro

Foto: Cleomar Marin

Revisão: Mônica Bernardi

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.