Vereador cobra medicamentos do Estado

por Assessoria de Comunicação publicado 18/04/2018 17h48, última modificação 18/04/2018 17h48

O Vice-Presidente da Casa Legislativa, Vereador Helder Evangelista (Cherinho) (PTC), voltou a fazer cobranças ao Governo mineiro. Por intermédio da Representação nº 008/2018, aprovada durante a reunião Ordinária da terça-feira (17) e enviada à Secretaria de Estado de Saúde, o parlamentar solicita atuação do Executivo estadual para suprir a demanda de medicamentos no Município.

Cerca de 50 medicamentos foram listados pelo Vereador Helder, que explicou que os mesmo estão em falta na farmácia do Sistema Único de Saúde (SUS) de Viçosa. “Os remédios são de alto custo, de suma importância para a população e de responsabilidade do Governo de Minas”, disse. Entre os fármacos em falta estão os usados para tratamento de colesterol e diabetes.

Na tribuna, durante a sessão, Helder também falou da dívida que o Estado tem com o Município, orçada em mais de R$ 13 milhões. No início do mês, o Executivo municipal participou da reunião Ordinária do dia 3 para pedir apoio do Legislativo na cobrança, que se divide entre a prefeitura (R$ 6,4 milhões) e os hospitais viçosenses. “Não sei onde vamos parar com essa situação”, lamentou o vereador.

 

Texto: Cleomar Marin

Revisão e foto: Mônica Bernardi

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.