Transporte de pacientes é destaque na Câmara

por Assessoria de Comunicação publicado 30/05/2018 17h15, última modificação 30/05/2018 17h21

A cidadã Maria da Conceição Paiva usou a Tribuna Livre durante a reunião Ordinária da terça-feira (29) para falar sobre falhas no transporte do Tratamento Fora do Domicílio (TFD), coordenado pela da Secretaria Municipal de Saúde. Segundo Maria Paiva, o serviço foi prestado para ela e outras três pessoas que iriam para Muriaé, na semana passada, com significativos atrasos e até falta de respeito.

“Ninguém pede para estar doente. Quando ficamos, merecemos respeito”, assim Maria Paiva iniciou a sua fala na tribuna. De acordo com a cidadã, além das falhas no transporte, há servidores que não agem com cordialidade com os pacientes: “nós pagamos impostos, esse serviço não é de graça”. Maria Paiva pediu que os vereadores fiquem atentos à fiscalização do serviço prestado pelo TFD, e sugeriu que a Casa encaminhe ao Executivo uma proposta de “curso de relacionamento humano para essas pessoas”.

O Vereador Geraldo Luís Andrade (Geraldão) (PTB) solicitou à Mesa Diretora que fosse formulado e encaminhado um documento com as colocações feitas na tribuna para o Executivo Municipal. A proposta foi acatada pelo Presidente Carlitos Alves dos Santos (Meio Kilo) (PSDB).

Texto: Cleomar Marin
Revisão e foto: Mônica Bernardi

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.