Vereador denuncia fechamento de agência dos Correios

por Assessoria de Comunicação publicado 13/06/2018 11h45, última modificação 13/06/2018 11h45

O Vice-Presidente da Casa Legislativa, Vereador Helder Evangelista (Cherinho) (PTC), usou a tribuna livre durante a reunião Ordinária da terça-feira (12) para denunciar o possível fechamento de mais de 500 agências dos Correios em todo o Brasil, entre elas a agência de Viçosa. Helder apresentou o tema após o assunto ter sido discutido em audiência pública realizada pela Comissão de Participação Popular da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), na semana passada, onde funcionários da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (EBCT) anunciaram uma paralisação no dia 18 de julho contra a decisão.

O vereador apresentou, durante a reunião, um trecho da audiência da ALMG, realizada na quinta-feira (07). No vídeo, Robson Gomes, Presidente do Sindicato dos Trabalhadores da EBCT do Estado de Minas Gerais, cita algumas das agências previstas para terem suas atividades transferidas para “operadores logísticos”, com a demissão de mais de cinco mil trabalhadores em todo o País. Segundo o Vereador Helder, só em Viçosa serão cerca de 60 profissionais desempregados. “Isso representa, além da perda de empregos, um risco de precarização do serviço”, afirmou.

Durante a reunião, Helder disse que vai acompanhar a situação e solicitou que a Casa Legislativa envie uma moção de repúdio à administração dos Correios com relação ao fechamento da agência de Viçosa.

 

Texto: Cleomar Marin

Revisão e foto: Mônica Bernardi

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.