Plano Diretor é debatido na Tribuna Livre

por Assessoria de Comunicação publicado 08/08/2018 11h32, última modificação 08/08/2018 11h32

Na reunião Ordinária da terça-feira (07) a importância da aprovação do Plano Diretor foi tratada na Tribuna Livre pelo Professor Ítalo Stephan (foto). Segundo ele, de acordo com o que diz o Estatuo da Cidade, o Plano é a instrumento mais importante da política urbana de um Município, sendo fundamental para o desenvolvimento da cidade.

“Peço aos senhores que deem atenção ao conteúdo do Plano Diretor, ele está atualizado, nele estão vários instrumentos de planejamento urbano, fundamentais para tratar de forma adequada a questão da habitação social”. O Professor Ítalo, justificou sua posição citando o aumento no número de habitantes em Viçosa, de 64 mil no ano de 2000, data do Plano vigente, para 79 mil em 2018, além de números do Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN-MG) que mostram Viçosa como o município com maior número de motos na Zona da Mata, com 15 mil veículos emplacados, e em segundo lugar no de automóveis com 21 mil automóveis, só perdendo para Juiz de Fora. Ítalo ressaltou ainda a participação popular na elaboração do Plano, “feita de forma muito rica”, concluiu.

Ítalo

Para a Vereadora Brenda Santunioni (Progressistas) a Mesa Diretora fez um grande trabalho, colocando pessoas competentes para explicar todos os seus pontos. “É um momento importante, pois queremos um plano de primeiro mundo, pois amamos a cidade e merecemos isso”, disse.

Projeto de Lei n° 019/2018

Ainda na reunião foi discutida e aprovada por unanimidade a Parte 1 do Projeto de Lei n° 019/2018, em primeira votação, que trata das diretrizes iniciais do Plano Diretor. Na segunda-feira (06) os vereadores já haviam se reunido para tratar do tema (foto). O Vereador Sávio José (PT), Relator da Comissão de Constituição, Justiça e Redação, espera que “o Plano seja discutido e votado até dezembro deste ano, pois durante sua construção ocorreram reuniões sempre coordenadas por profissionais capacitados”.

Já para o Vereador Idelmino Ronivon (Professor Idelmino) (PCdoB) é um marco para Viçosa iniciar a votação do Plano Diretor, pois o município está sem um plano vigente. “Esse Plano começou a ser construído pela Comissão responsável em junho de 2014, então é um trabalho que vem sendo feito de forma muito criteriosa”, disse.

Na próxima semana haverá nova discussão do Plano Diretor, dos Artigo 9° ao 30°, com votação na semana seguinte.

 

Texto: Igor Gama

Revisão e foto: Mônica Bernardi

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.