Parlamento Jovem entrega documento oficial à Presidente da Casa Legislativa

por Assessoria de Comunicação publicado 22/06/2016 12h40, última modificação 22/06/2016 14h54

Durante a reunião Ordinária da terça-feira (21), ocupou a Tribuna da Câmara Municpal, o estudante João Paulo Rivelli Chaves, representando todos os participantes de Viçosa do Parlamento Jovem 2016, que tem como tema a Mobilidade Urbana. Durante a Plenária Municipal, realizada na sexta-feira (17), foram votadas nove propostas. Durante a reunião, o Documento foi entregue à Presidente da Casa Legislativa, Vereadora Marilange Santana Pinto Coelho Ferreira (PV). As propostas seguirão para a Etapa Regional que acontecerá no dia 8 de julho, em Viçosa, cidade sede do Polo II, que congrega Paula Cândido, Ubá e Visconde do Rio Branco.

As propostas formuladas pelos alunos, que constam no Documento são: destinar uma unidade móvel da Polícia Militar para a Polícia Comunitária, para atuarem nas praças localizadas nos centros dos municípios com mais de 30 mil habitantes; promover a obrigatoriedade da criação de um Conselho da Mobilidade Urbana em todos os municípios de Minas Gerais; promover um festival de integração entre os municípios circunvizinhos, com a finalidade de valorizar a produção da região e atrair recursos e turismo; tornar obrigatória a instalação de semáforos sonoros com contagem de tempo, bem como sinalizadores sonoros e pisos táteis em novos prédios públicos e comerciais.

Também constam no documento: o desenvolvimento de um programa de educação para o trânsito; a ampliação do transporte escolar gratuito para os estudantes das escolas privadas, desde que sejam bolsistas e que precisem se deslocar no mínimo dois quilômetros até a escola; tornar obrigatório que as cidades com mais de 50 mil habitantes, destinem 30% do valor arrecadado anualmente do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, para a construção de ciclovias na cidade e após a construção, 5% desse imposto para a manutenção; tornar obrigatório que o Corpo de Bombeiros do Estado de Minas Gerais só emita e renove alvará para comerciantes, se a calçada em frente ao imóvel estiver de acordo com a Associação Brasileira de Normas Técnicas; além da padronização das faixas de pedestre em Minas Gerais.

João Paulo explicou o Projeto e comentou sobre o desenvolvimento das atividades até então. Segundo ele: “Estamos mostrando com esse Projeto a força dos jovens na política, que somos capazes de realizar Projetos de Lei (sugestões de propostas que possam vir a se tornar Leis), vimos que os jovens podem entender e realizar o exercício da política, nós desejamos uma política feita por jovens. É um Projeto muito produtivo, que resulta em um grande aprendizado pessoal e profissional. É um Projeto maravilhoso.”.

Marilange parabenizou o Projeto e declarou: “Estou muito orgulhosa vendo o aluno usando a Tribuna, se posicionando de forma tão gratificante, mostrando como esse é um projeto importante, ainda mais em um momento que a política do País está tão desacreditada. Esses jovens serão adultos mais conscientes e formadores de opinião, quem sabe um dia eles não venham ocupar de verdade essa Mesa Diretiva. Fomos muito bem representados por esses jovens que ocuparam nossos lugares na sexta. Estou muito orgulhosa.”.

 

Texto: Lidiany Duarte

Foto: Anna Gabriela Motta

Revisão: Mônica Bernardi

error while rendering plone.comments