Vereador se reúne com taxistas do município

por Assessoria de Comunicação publicado 30/06/2016 18h08, última modificação 30/06/2016 18h08
30/06/2016

O Vereador Idelmino Ronivon da Silva (Professor Idelmino) (PC do B) convocou uma reunião, na tarde da quarta-feira (29), na Câmara Municipal de Viçosa, para discutir os problemas relacionados ao transporte clandestino de passageiros, que tem sido recorrente no Município.

A discussão girou em torno do fato de que existem taxistas que perderam a concessão, mas que continuam circulando normalmente, além de taxis de outras cidades, estacionados no centro, e que oferecem o transporte de passageiros com um preço abaixo do mercado. As vans também foram citadas por, algumas, estarem fazendo o transporte de forma irregular, tendo em vista que, para que as vans realizem o transporte precisam elaborar uma lista com os passageiros e apresentar com até 24h de antecedência. “Está sendo explorado um nicho de mercado de forma clandestina.”, declarou Idelmino.

De acordo com o Vereador, “os taxistas fizeram um investimento alto na compra da frota, para atender as exigências que constavam no processo licitatório. Eles compraram o veiculo e pagaram a concessão para terem o direito de trabalhar dentro da legalidade, o que tem acontecido no Município é uma concorrência desleal, que tem afetado demais o rendimento mensal de cada um deles, o que tem dificultado o pagamento dos valores que foram usados para o investimento na profissão.”.

Durante a reunião, alguns encaminhamentos foram feitos como: articular blitz em vários pontos da cidade, principalmente em locais de aglomeração de pessoas que esperam a condução, onde o transporte irregular chega para pegar os passageiros; para os taxistas que perderam a concessão, será encaminhada uma nova notificação, reafirmando que eles não podem realizar o transporte de passageiros. Com relação aos taxistas de outras regiões, que estiverem trabalhando nos pontos da cidade, o Departamento de Trânsito (DETRA) fará blitz, abordando e alertando sobre a ilegalidade e possíveis punições de acordo com as Leis Municipais vigentes.

Os taxistas associados, junto à empresa Viação União, o Detra e a fiscalização vão produzir novas provas para que sejam feitas as ocorrências policiais, no sentido de embasar uma abertura de processo crime contra os praticantes do transporte irregular.

O Vereador Idelmino salientou que: “Uma das grandes preocupações, de início, está no sentido de assegurar o direito dos donos das concessões do transporte individual e do transporte coletivo, visando evitar uma concorrência desleal e, acima de tudo, assegurando e garantindo a segurança do cidadão, evitando assim, que ele seja transportado por veículos irregulares, que não passaram por nenhum tipo de vistoria, e que são, na maioria das vezes, precários e com potencial de ocorrência de acidentes, tanto por falhas mecânicas, quanto por superlotação.”, afirmou.

A reunião contou com a participação de dezenas de taxistas no Plenário e, entre os presentes, estavam: o Presidente da Viação União, Roberto Magno Cordeiro Junior; o Chefe do Departamento de Trânsito, Pedro Henrique Pinheiro Neves; o Delegado da Polícia Civil, Edvin Otto Filho; o Secretário de Fazenda, José Geraldo Santana; e o Presidente da Associação do Taxistas, Sandro da Silva Joana.

Texto e foto: Lidiany Duarte

Revisão: Mônica Bernardi

error while rendering plone.comments