Vereadores falam sobre andamento de CPI

por Assessoria de Comunicação publicado 21/08/2019 15h55, última modificação 21/08/2019 17h06

Os vereadores Sérgio Aloíso (Sérgio Construtor) (PSDC) e Edenilson Oliveira (MDB) integrantes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), instaurada para apurar supostas irregularidades no abastecimento de veículos da Prefeitura Municipal de Viçosa (PMV), falaram sobre o prosseguimento dos trabalhos na reunião Ordinária da terça-feira (20). O Vereador Ronildo Ferreira (DJ Ronny) (PSC) também faz parte da comissão.

De acordo com o Vereador Sérgio, que preside a CPI, as oitivas, que correspondem a etapa de audição das testemunhas, vão ocorrer na segunda-feira (26) e na quarta-feira (28), ambas deste mês e tem como objetivo esclarecer fatos levantados durante a análise da documentação correspondente. Sérgio ressaltou o compromisso da comissão com a comunidade viçosense “quem quiser comparecer a Casa está convidado, pois queremos fazer tudo na maior transparência possível para ajudar nosso Município", disse. Já o Vereador Edenilson, que substitui Carlitos Alves (Meio Kilo) (PSDB) que agora atua como Secretário Municipal de Obras, destacou que mesmo com o pouco tempo na CPI tem buscado se inteirar sobre o assunto "podem ter certeza que já estou analisando os documentos, buscando informações para poder ajudar a termos uma resposta rápida e efetiva para os viçosenses", afirmou.

Em maio o Vereador Sérgio apresentou, em reunião Ordinária, o Requerimento n° 023/2019, que foi posteriormente aprovado, solicitando a instituição da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar o caso, visto que foram recebidas denúncias relativas a possibilidade de irregularidades no abastecimento dos veículos. O vereador ainda analisou documentos que na ocasião apontaram supostos problemas em placas de 12 veículos, sem condições de uso e parados há algum tempo, mas que seguiam sendo abastecidos; o número de abastecimentos em galões; o fato de um mesmo veículo ser abastecido com diesel e gasolina; o gasto de 75 litros de gasolina com a roçadeira da Secretaria Municipal de Agricultura; veículos que não fazem parte da frota, referenciados como de prestadores de serviço ao Município abastecendo na conta do mesmo; indicação de 5 veículos, dentre os 12 citados, com mais de uma centena de abastecimentos, alguns até sem identificação de quilometragem ou com pequena avaria na mesma e rasuras nas Requisições de Combustível (RDC’s) onde existe a identificação das placas, havendo sua substituição por placas dos veículos parados.

As testemunhas da segunda-feira serão o Administrador do Consórcio Intermunicipal Multissetorial do Vale do Piranga (CIMVALPI), João Adalberto Rezende, os motoristas da PMV, João Januário Ladeira e Ademar Gomes de Lima (ex-Vereadores), o ex-Chefe da garagem da Prefeitura e atual motorista, Fernando Silva Martins e o funcionário da Secretaria Municipal de Agricultura, Erli da Silva Felício. Já os depoentes da quarta-feira ainda não foram definidos.

 

Texto: Igor Gama

Fotos: Isabela Monteiro

Revisão: Mônica Bernardi

error while rendering plone.comments